Em Santana de Parnaíba/SP, o vereador Silvinho Peccioli Filho (PSD) protocolou o PL 027/21, que dispõe sobre a inclusão de conceitos de economia na rede municipal de ensino. Ele também é o autor do PL 28/21, que trata da inclusão de direitos fundamentais e cidadania na rede municipal de ensino. Ambos os projetos são para alunos a partir do sexto ano. “Bora trabalhar, fiscalizar e legislar para que nossa cidade evolua”, comentou.

Um PL parecido, que trata de conceitos de educação financeira, foi pensado pelo vereador Anderson Salvador (PSDB), de Nova Venécia/ES. Trata-se do número 30/21 que busca, não só a melhoria da qualidade da educação, como a conscientização a respeito de finanças. “Este projeto é de relevância inegável, uma vez que, de acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o percentual de famílias endividadas no país chegava a 66,5% em outubro de 2020, revelando a necessidade de criação de políticas públicas que visam conscientizar a população sobre o controle de suas finanças, com o objetivo, até mesmo, de evitar problemas futuros, como depressão, ansiedade e transtornos psicológicos, criando novas demandas ao sistema público de saúde”, destacou.

Visitação e fiscalização

Anderson Salvador (PSDB) ainda implementou seu programa de mandato, “Jornada nas Escolas”, em que o vereador faz visitas “in loco” às 57 escolas de Nova Venécia, sendo 37 delas rurais. Dessa forma, ele mapeia as demandas existentes nas escolas municipais e define qual proposição irá tratar de cada uma delas.

Visitações também foram feitas pelo vereador José Pugliesi (MDB), de Guaíra/SP, para constatar problemas nas escolas. Na escola municipal Padre Mário Lano, o parlamentar identificou problemas estruturais com a desatenção do poder público. E, imediatamente, iniciou uma mobilização para a realização de um levantamento das escolas e elaborou proposições para melhoria de suas infraestruturas. Em breve, ele pretende receber o relatório do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) com a situação encontrada nas demais escolas para pautar suas ações seguintes.  

Educação ambiental

Já em Conchal/SP, o vereador Pedrin (PSDB) apresentou o PL 13/21 sobre reciclagem nas escolas, com o objetivo de “incentivar a reciclagem nos departamentos públicos, abrir caminhos para digitalização e modernização. Promover ampliação dos espaços, atualmente, utilizados como arquivo morto e gerar um caixa para investimentos em melhorias nos setores”, como dito no texto do projeto, já que, com a sua aprovação, as escolas poderão reciclar esses materiais inservíveis e investir o dinheiro em caixa na própria escola, uma vez que são materiais desatualizados e que, muitas vezes, os estudantes jogam nas ruas. 

A ideia surgiu após conversas do mandatário com os funcionários públicos e visitações às escolas municipais. “Pensar na Agenda 2030 (ODS) hoje não é meramente algo bonitinho para discurso, é uma necessidade para desenvolvimento de políticas públicas”, ressaltou Pedrin.

Saiba mais sobre a atuação dos vereadores formados pelo RenovaBR por cidades e comunidades mais sustentáveis