Nas eleições municipais de 2020, o RenovaBR teve 153 alunos(as) eleitos(as), de 25 partidos diferentes e em 123 cidades brasileiras, além daqueles(as) que tornaram-se suplentes de vereador e que estão ocupando cargos de liderança, usando o conhecimento adquirido no curso oferecido pela maior escola de democracia do Brasil.

Nosso curso abarca três pilares de qualificação: políticas públicas, técnicas de comunicação e liderança. E, sempre reforçamos que um bom líder é aquele que mantém o diálogo com a população, respeitando as diferenças e, principalmente, a transparência.

“Quando o caminho a ser percorrido é compartilhado, a superação dos desafios fica mais fácil. E essa é a ideia do Banco de Projetos: compartilhar conhecimento para expandir e inspirar a replicação em outras cidades brasileiras. Imagina a troca rica e o ganho de produtividade quando eleitos(as) aplicam projetos que já foram efetivos e aumentam o impacto na população? A continuidade do trabalho é a adaptação para outras cidades respeitando as regionalidades e especificidades locais ”, comenta Irina Bullara, Diretora Executiva do RenovaBR.

E é com o objetivo de compartilhar e inspirar boas práticas com projetos que sirvam de modelo para diferentes cidades que o RenovaBR criou o Banco de Projetos do Legislativo Municipal, destinado exclusivamente para os(as) vereadores(as) eleitos(as) em 2020.

Em menos de dois meses, a iniciativa já conta com quase 50 propostas protocoladas por eles em prol da educação, cultura, direitos humanos, sustentabilidade, entre outros. Muitas das proposições têm como foco minimizar os impactos causados pela pandemia de Covid-19, visto que os mandatários assumiram as Câmaras Municipais em meio a uma crise causada pelo coronavírus. 

Em Águas de Lindóia/SP, por exemplo, nosso ex-aluno e vereador Renan Sambo (PSB), nos enviou o projeto de lei nº 4/21, de sua autoria, que “dispõe sobre a obrigatoriedade da divulgação de listagens de pacientes que aguardam por consultas com médicos especialistas, exames e cirurgias na rede pública de saúde municipal”.

Há ainda projetos de incentivo à participação popular, a transparência e a melhor infraestrutura dos municípios, dispostos entre as seis pastas que compõem o nosso banco. São elas: 

  1. Educação, cultura e direitos humanos;
  2. Sustentabilidade e segurança alimentar;
  3. Orçamento e geração de emprego e renda;
  4. Planejamento e gestão;
  5. Urbanismo, infraestrutura e mobilidade;
  6. Saúde e Covid-19.

O RenovaBR segue apoiando a formação dos(as) eleitos(as) e parabeniza todos(as) que compreendem a importância do conhecimento compartilhado em iniciativas como a do Banco de Projetos para melhorar a vida dos cidadãos e de seus municípios, com base em dados e evidências e através da boa política.

Quer saber de mais ações de mandatários formados pelo RenovaBR? Aqui no nosso site você encontra matérias sobre suas atuações. 

Clique aqui para ler sobre as proposições de vereadores de apoio ao trabalhador e ao negócio local!